Nossa Região

A paisagem típica de uma pequena aldeia de pescadores aliada às belezas naturais da Mata Atlântica e aos costumes açorianos faz de Governador Celso Ramos uma cidade encantadora do litoral catarinense. A cidade preserva os costumes dos colonizadores por meio da arquitetura das suas casas, culinária típica, pesca artesanal e o sotaque nos moradores da região.

 

Os Açorianos

A comunidade de Governador Celso Ramos, que até bem pouco tempo sobrevivia basicamente da pesca e do artesanato, está cada vez mais organizada, visando a conquista de seus turistas com o constante investimento em infraestrutura. Sua população é composta, na sua maioria, por pescadores artesanais. O município possui o título de maior produtor nacional de mariscos, além de produzir também outros moluscos. Os barcos de pesca e a tradicional puxada de tarrafa proporcionam um espetáculo inesquecível. Existe também uma forte tradição de carpintaria naval que resulta nas miniaturas de traineiras e pequenos barcos encontrados no artesanato local. As mulheres se dedicam ao artesanato, produzindo peças de crivo, crochê e trabalhos com conchas, madeira e bambu. Você não vai resistir à delicadeza das peças, principalmente o crivo do qual o município orgulha-se de ser um dos últimos redutos. Entre as construções açorianas destacam-se a Capela de Nossa Senhora da Piedade e a Fortaleza de Santa Cruz, na Ilha de Anhatomirim, tombadas pelo Patrimônio Histórico. A capela, construída em 1746 no vilarejo de Armação da Piedade é considerada a primeira do Estado.

 

Ecologia

O Hotel Palmas & Spa está localizado em um verde vale, na Costa Esmeralda entre a Ilha do Arvoredo (Reserva Biológica Nacional) e a Ilha de Anhatomirim (Área do Patrimônio Ambiental e Cultura). A Baía dos Golfinhos e Fortaleza de Santa Cruz são belezas que fazem parte da conservação ambiental, um verdadeiro Refúgio Ecológico.